ONU promove prêmio global voltado a jovens ambientalistas

sex, 14/02/2020 - 17:05
Publicado em:
Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente abriu inscrições na última segunda (10) para projetos que ajudem a solucionar desafios ambientais do planeta. Podem se inscrever pessoas de 18 a 30 anos do mundo todo.

Por ANBA

Jovens empreendedores ambientais com idades entre 18 e 30 anos podem ser inscrever no prêmio global promovido pelo Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (Pnuma). A competição “Jovens Campeões da Terra 2020” abriu as inscrições na última segunda-feira (10). Elas podem ser enviadas até o dia 10 de abril.

O prêmio é voltado para jovens do mundo todo com ideias para solucionar os principais desafios ambientais do planeta. Serão escolhidos sete vencedores, de sete regiões do mundo, que receberão financiamento para o investimento inicial nos seus projetos. Os ganhadores também terão orientações, oportunidades de compartilhar suas inovações e de participar de reuniões de alto nível nas Nações Unidas.

“A juventude está na vanguarda do engajamento climático, desafiando governos, empresas e tomadores de decisões a agirem para garantir um futuro saudável em um mundo sustentável”, disse a diretora-executiva do Pnuma, Inger Andersen, em material divulgado.

Na edição de 2019, uma biotecnóloga brasileira, Anna Luisa Beserra, foi vencedora pela América Latina e Caribe. O projeto dela viabiliza acesso à água potável e segura por meio de filtro que purifica água da chuva coletada em cisternas de zonas rurais.

Entre os projetos vencedores de outras regiões em 2019 estiveram o da engenheira de software do Nepal que visa tornar o transporte público elétrico uma alternativa de qualidade aos veículos particulares e um engenheiro industrial libanês que trabalha com estudantes e refugiados para reutilizar e reciclar roupas.

O Pnuma é o braço das Nações Unidas para as questões ambientais. Para mais informações, acesse aqui.