Entrevista: novo presidente do ICArabe fala sobre perspectivas da gestão 2020-2022

sex, 06/11/2020 - 10:48

Por Jéssica Marques

 

O novo presidente do Instituto da Cultura Árabe para a gestão 2020-2022, Murched Omar Taha, falou sobre as perspectivas para este próximo período. Entre as novidades estarão cursos online e presenciais.

“Estamos assumindo o ICArabe num momento muito complicado, em razão da pandemia, o que torna o trabalho mais desafiador. Por ser sempre otimista acredito que esta diretoria dará continuidade ao trabalho muito bem desenvolvido pela gestão anterior”, afirmou.

Confira a entrevista:

Portal ICArabe - Quais são suas perspectivas para essa gestão do ICArabe?

Murched Taha - Temos como perspectiva desenvolver uma política para aumentar o número de associados, pois uma ONG precisa de pessoas engajadas com as questões árabes brasileiras.

Vamos implementar também a criação de cursos online, neste momento de pandemia, e cursos presenciais, assim que possível, cursos estes que eram dados em um número elevado no início das atividades do Instituto.

Vamos estimular as associações e clubes da comunidade a ministrarem gratuitamente cursos da língua árabe. Ainda queremos buscar recursos financeiros e materiais para que o ICArabe possa continuar a sua caminhada. 

Portal ICArabe - Que novidades o Instituto terá em 2021?

Murched Taha - Estamos assumindo o ICArabe num momento muito complicado, em razão da pandemia, o que torna o trabalho mais desafiador. Por ser sempre otimista acredito que esta diretoria dará continuidade ao trabalho muito bem desenvolvido pela gestão anterior e criará mecanismos para concretizar os objetivos a que me referi na primeira resposta dada na pergunta acima.

Portal ICArabe - Quais serão as principais atividades do instituto terá no próximo ano?

Murched Taha - Vamos começar ainda este ano um curso continuado sobre “A CONTRIBUIÇÃO DA CIVILIZAÇÃO ÁRABE – ISLÂMICA PARA A HUMANIDADE”, que será ministrado através de uma perspectiva histórica.

Este curso já está em elaboração, e abrangerá todos os campos do conhecimento humano que esta civilização contribuiu.

Imagem removida.

Portal ICArabe - Qual a sua avaliação sobre a Mostra Mundo Árabe de Cinema deste ano ter sido online?

Murched Taha - Sem dúvida foi um sucesso, e quero parabenizar todos os responsáveis por este trabalho, num ano em que a humanidade sofreu e está sofrendo com este flagelo da pandemia. Mesmo não participando deste excelente evento, a penetração e a repercussão da Mostra do Cinema foi um sucesso, por esta via.

Portal ICArabe - Qual a importância de o ICArabe ter marcado presença na Mostra, mesmo em um ano tão conturbado no mundo?

Murched Taha - A importância foi enorme, o que demostrou o potencial da equipe responsável em colocar no ar num momento muito triste e complicado para todos nós. A importância da Mostra também se reflete em trazer para o Brasil o que está sendo feito culturalmente no campo do Cinema Árabe.

Sobre Murched Omar Taha:

Professor Associado Livre-Docente da Disciplina de Técnica Operatória e Cirurgia Experimental do Departamento de Cirurgia da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP/EPM). Graduação em Medicina pela Faculdade de Medicina de Itajubá (1976), graduação em Residência Médica em Cirurgia Digestiva pelo Hospital Prof Edmundo Vasconcelos (1980), Mestrado em Técnica Operatória e Cirurgia Experimenta (UNIFESP/EPM -1995), Doutorado em Ciências (UNIFESP/EPM-1996) e Livre ? Docente em Técnica Operatória e Cirurgia Experimental do Departamento de Cirurgia da Universidade Federal de São Paulo (2005). Membro Titular do Colégio Brasileiro de Cirurgiões e do Colégio Brasileiro de Cirurgia Digestiva. Especialista em Cirurgia do Aparelho Digestivo. Pró-Reitor de Gestão com Pessoas da UNIFESP. Consultor "ad doc? da Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP). Tem experiência em Pesquisa na área de Cirurgia Experimental, com ênfase em Isquemia e Reperfusão de Órgãos e Tecidos e em Novos Avanços Tecnológicos em Cirurgia. Orientador em nível de Mestrado e Doutorado nos Programas de Pós-Graduação em Medicina Translacional e Ciência Cirúrgica Interdisciplinar da UNIFESP/EPM. (Fonte: Currículo Lattes)

(Mais informações aqui)